Portal do Governo Brasileiro

REUNI - Reestruturao e Expanso das Universidades Federais

UFRA

Programa Bolsa de Estudos propicia auxílio financeiro a estudantes de graduação

Estão abertas até o dia 18 de março as inscrições para o Programa Bolsa de Estudos  Orientados da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS). Com oferecimento de bolsas no valor de R$ 300,00, o principal objetivo do programa é propiciar condições de permanência na universidade de graduandos em dificuldades financeiras e que não concorrem às outras modalidades de auxílios oferecidas pela instituição.

Um dos requisitos é o de que os estudantes participantes tenham disponibilidade de 12 horas semanais para participação em atividades de estudos dirigidos individuais ou em grupos, desenvolvidos no campus da UFFS onde está matriculado e sob orientação. As inscrições devem ser encaminhadas na Diretoria de Assuntos Estudantis, caso das unidades do campus Chapecó, e nos setores de assuntos estudantis, nos demais campi. A documentação necessária consta no Edital nº 045/UFFS/2011. A homologação do resultado final acontece no dia 5 de abril. A vigência das bolsas é de oito meses, entre maio e dezembro de 2011.

Conforme o diretor de Assuntos Estudantis da UFFS, Maurício Fernando Bozatski, o Edital 45 foi elaborado para contemplar estudantes que não puderam participar da processo seletivo do Edital 31, o qual tratava dos critérios de concorrência às bolsas de Iniciação Acadêmica e Permanência, cujas inscrições encerraram-se no dia 3 de março. “Neste programa de estudos orientados, podem participar os estudantes que tiveram reprovação em um ou mais componentes curriculares durante o ano de 2010 e que já tenham realizado análise socioeconômica no ano que passou”, informa Maurício.

Conforme levantamento da Diretoria de Assuntos Estudantis, nos cinco campi existem 326 estudantes que agora poderão concorrer a uma das bolsas do programa de estudos orientados. “A nossa expectativa é a de que, com a dedicação ampliada em mais 12 horas de estudos, o graduando sinta-se mais inserido no processo de aprendizagem e mais confortável em permanecer no ambiente universitário”, analisa o diretor. Outra vantagem esperada é diminuir, e até mesmo zerar, os índices de reprovação nos cursos de graduação. “Temos a convicção de que o programa vem potencializar as graduações e colaborar para um melhor aproveitamento dos conteúdos”, avalia Maurício Bozatski. 

Para definir como será a execução dos programas de bolsas oferecidos pela UFFS, a Diretoria de Assuntos Estudantis está promovendo encontros com a comunidade acadêmica dos cinco campi da instituição. “Estamos conversando com os envolvidos mais diretamente nos programas para definir o melhor modo de operacionalizar o trabalho dos bolsistas e dos orientadores”, informa Maurício, que já visitou os campi de Laranjeiras do Sul e Realeza e nesta semana conclui o circuito de visitas nos campi de Cerro Largo, Chapecó e Erechim.

Assessoria de Comunicação UFFS

 

VÍDEOS

 

© Ministério da Educação. Todos os direitos reservados | Desenvolvimento: DTI - MEC - Governo Federal